Por que não deve ser o analógico contra o digital nas salas de aula atuais

O caso para combinar ferramentas na sala de aula


Com a prevalência continuada da tecnologia na sala de aula, é fácil presumir que ferramentas analógicas como whiteboards são coisa do passado, porém tendências e pesquisas indicam diferentemente.

Atlanta, 19 de agosto – Com a prevalência continuada da tecnologia na sala de aula, é fácil presumir que as ferramentas analógicas, como whiteboards, são coisa do passado. Mas segundo algumas pesquisas observacionais realizadas pela PolyVision em todo o mundo, os educadores acreditam que uma abordagem combinada das ferramentas de aprendizado seja essencial para um ensino e aprendizado eficaz. Usar tanto as ferramentas digitais (whiteboards interativos, iPads, etc.) quanto analógicas (ferramentas que não sejam digitais como whiteboards e papel) em conjunto, demonstrou promover maior colaboração e ajudou muitos alunos a tornar o processo de pensamento mais visual. De acordo com um estudo realizado pelo ECAR, 58% dos alunos afirmam ter aprendido mais em ambientes de aprendizado combinado.

Além de aumentar o comprometimento do aluno, alguns argumentam que escrever em uma ferramenta analógica, como um whiteboard, fornece maior suporte às nossas capacidades cognitivas e também nos ajudam a processar e reter melhor as informações. Algumas outras pesquisas de Educação da Steelcase sobre aprendizado combinado também fazem as mesmas afirmações. Pesquisas de mapeamento cognitivo demostram que o processo físico de escrever e diagramar ajuda as pessoas a aprender e recordar informações, consolidando a importância dessas atividades para a aprendizagem em um mundo cada vez mais digital.

O infográfico abaixo foi criado para oferecer um resumo sobre as formas inovadoras como os clientes da PolyVision de todo mundo estão reinventando o whiteboard, uma das principais ferramentas analógicas da sala de aula moderna. Este gráfico também oferece algumas informações sobre o motivo desta ferramenta estar destinada a permanecer uma parte do ecossistema de aprendizado por um longo tempo ainda.

Como alguns dizem, é uma ferramenta de educação inesquecível.